Gabinete Móvel Popular fiscalizando unidades básicas de saúde!

por Danielle Duarte última modificação 13/05/2017 10h46

A coordenadora e vereadora do PRB/Mulher no Amapá, Patriciana Guimarães, esteve com o seu Gabinete Móvel Popular na sexta-feira (21) atuando em alguns bairros de Macapá.

A vereadora iniciou a fiscalização pela manhã na UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro Perpétuo Socorro, a pedido dos munícipes daquele bairro que necessitam do atendimento médico daquela UBS.

A vereadora Patriciana Guimarães e sua equipe foi recebida pela enfermeira de plantão. Foi solicitado à mesma, que acompanhasse a parlamentar e sua equipe na visita ao prédio.

Houve certa resistência durante a fiscalização realizada pelo Gabinete Móvel Popular (promessa de campanha da Vereadora). Ao entrar em uma sala onde estavam armazenados alguns medicamentos, a vereadora aproveitou para verificar a data de validade dos mesmos, mas logo em seguida foi “convidada” a se retirar da sala e impedida de visitar o 2º andar do prédio.

A vereadora Patriciana Guimarães tendo o seu direito constitucional e parlamentar tolhido, pois foi impedida de continuar a visita no prédio daquela Unidade Básica de Saúde, se dirigiu à recepção, para ouvir dos munícipes que lá se encontravam em busca de atendimento médico, as suas reclamações.

Várias são as reclamações. “A falta de médicos e o mal atendimento por parte de alguns servidores da Unidade Básica de Saúde”, relatou a senhora Ana Regina Jesus e o senhor Ailson Costa. Todas as reclamações foram recebidas pela equipe do Gabinete Móvel Popular e, serão encaminhadas à SEMSA (Secretaria Municipal de Saúde).

A vereadora e sua equipe se dirigiram à UBS do bairro Cidade Nova, onde puderam constatar que o prédio está em reforma, funcionando em um anexo para atendimento, em horário comercial.

E o feriado de Tiradentes continuou com mais fiscalizações. O Gabinete Móvel Popular saiu da zona norte e se dirigiu à zona leste da cidade. Dessa vez a fiscalização foi na UBS Dr. Rubim Aronovith.

A vereadora e sua equipe foram recebidas pela enfermeira chefe, que se prontificou a acompanhar a visita ao prédio daquela Unidade.

Algumas falhas foram verificadas durante a fiscalização, tal como o armazenamento do lixo hospitalar e o banheiro para pessoas com acessibilidade limitada.

As falhas serão encaminhadas à SEMSA (Secretaria Municipal de Saúde), pedindo que sejam retificadas em tempo hábil, pois os munícipes necessitam de um atendimento de saúde e, é dever do Município prestar dentro de suas Unidades Básicas de Saúde, um serviço de qualidade.