Japão Baía quer aprofundar debate sobre tarifas de ônibus de Macapá.

por Adriana Stephanie Amoras Ramos publicado 07/05/2019 23h09, última modificação 07/05/2019 23h09

A questão da indefinição no reajuste de tarifas de ônibus em Macapá, volta a ser debatida na Câmara, pelo vereador Japão Baia (PDT), presidente da Comissão de Viação e Transportes da CMM.

Na sessão desta terça-feira, 7, o parlamentar cobrou explicações ao titular da Companhia de Transportes e Trânsito de Macapá (CTMac), André Lima, a respeito dos trâmites do processo que tramita na justiça, pedindo reajuste de tarifas.

Japão Baía se manifestou por meio do Requerimento nº 887/19 –CMM, cobrando a falta de cumprimento das cláusulas propostas no acordo firmado entre o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Amapá (SETAP ) e a CTMac, referente ao processo datado em 10 .10.17, que define as datas de execução dos benefícios propostos neste acordo.

O vereador ressalta que o pedido de reajuste da tarifa de ônibus já foi judicializado pelo Setap. “É inadmissível que todos os anos, o Setap ignore a Câmara de Vereadores e leve a proposta de reajuste direto a justiça amapaense”, cobrou na sessão anterior e reforça os questionamentos, alegando que estão atropelando os trâmites hierárquicos das decisões, sem que a CMM seja sequer ouvida ou convidada a participar do debate.

O vereador Caetano Bentes (PSC) endossa a posição do vereador Japão Baia e convida o presidente da CTMac, André Lima, para avaliar o cumprimento do acordo estabelecido. André Lima confirmou presença na CMM para dia 16 deste maio, onde esse tema e outros ligados a CTMac, serão esclarecidos.

Texto: Édi Prado Ribeiro.
Fotos: Deco de França.
Secretaria de Comunicação/SECOM/CMM.