Vereadores voltam a debater PL que trata do transporte de passageiros por aplicativos

por Danielle Duarte última modificação 15/06/2018 13h17

A autorização do transporte de passageiros por aplicativo em Macapá e o plano de cargos, carreira e salários dos servidores da saúde foram os principais temas debatidos durante a 27ª Reunião Ordinária desta terça-feira,12, da Câmara Municipal de Macapá (CMM).

O representante dos taxistas e advogado, Rizonilson de Freitas Barros, defende amplo debate acerca do Projeto de Lei (PL) do vereador Jorielson Nascimento (PRP) que defende o transporte de passageiros por aplicativo em Macapá. “Queremos um amplo debate para que as duas categorias possam ser ouvidas e os direitos sejam assegurados com equidade”.

Votação- O PL de Jorielson Nascimento que recebeu pedido de vista do vereador Caetano Bentes (PSC), deverá ser votado nesta quinta-feira, 14. O vereador Marcelo Dias (PPS) antecipou que vai pedir vista da matéria novamente. “Defendemos um amplo debate com as duas categorias e principalmente os usuários dos serviços de táxis e de transportes por aplicativos”.

Emendas- O vereador Jorielson Nascimento, autor do PL, diz que vai apresentar na quinta-feira emendas de plenário com o objetivo de ajustar a matéria conforme os interesses das duas categorias.

Saúde- Os parlamentares debateram ainda a respeito do plano de cargos, carreira e salários dos servidores da saúde municipal. Os atuais servidores pleiteiam por um salário base de R$ 1.014,00 proposto para ser pago aos novos servidores que ingressarem no quadro da saúde por meio de concurso público. O salário base pago aos servidores efetivos atualmente, segundo a categoria é de R$ 819,00.

O debate foi provocado pelo vereador Marcelo Dias, que convidou o servidor Jô Pereira, representante do Sindicato dos trabalhadores da saúde para defender na tribuna os interesses da classe.

O PL que trata sobre o plano de cargos, carreira e salários dos servidores municipais da saúde tramita nas comissões permanentes desta casa de Leis, ainda sem data definida para apreciação e votação em plenário.

Secretaria de Comunicação/SECOM/CMM.