Através de requerimentos, vereadora Adrianna Ramos cobra melhorias para a capital

por Sec. Comunicação publicado 28/06/2021 18h03, última modificação 28/06/2021 18h03

Nas sessões virtuais da Câmara Municipal de Macapá, os parlamentares aprovaram diversos requerimentos da vereadora Adrianna Ramos (PSC), encaminhados às secretarias municipais, de acordo com as demandas, defendendo benefícios na área de infraestrutura em diversos bairros da cidade.

Para a secretaria municipal de Zeladoria Urbana, a parlamentar solicita que seja executada a limpeza e capina da Rua Jardim das Oliveiras, no perímetro que compreende a Rodovia Juscelino Kubistchek até a Travessa das Oliveiras, bairro das Pedrinhas.

Em outra propositura, requer à secretaria municipal de Obras (Semob), serviço de terraplanagem e pavimentação asfáltica na Rua Procópio Rola, entre as Ruas Hildemar Maia e Professor Tostes, no Jesus de Nazaré, bem como no Bairro Marabaixo 4, nas Ruas Zolito Nunes e Sol Nascente. A vereadora reivindica, ainda à Semob, serviço de manutenção da ponte localizada na Avenida Quilombo dos Palmares, Travessa G, no Muca.

Por meio de outro requerimento, a parlamentar pleiteia à secretaria municipal de Iluminação Pública (SEMIP), execução dos serviços de reposição de luminárias da Rua Rio Jupati, no âmbito da Avenida General Gurjão até o final da referida rua, no Trem.

Além destes pedidos, defendendo benefícios na área de infraestrutura, Adrianna Ramos teve ainda aprovado requerimento encaminhado à secretaria municipal de Governadoria (SEGOV), para que seja apreciada a viabilidade da criação do Fundo Municipal para Pagamentos por Serviços Ambientais e/ou realizar convênio com a Universidade do Estado do Amapá (UEAP) e/ou o Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá (IEPA).

O objetivo é garantir no âmbito da capital, recursos financeiros necessários ao desenvolvimento de projetos destinados a conservação e recuperação florestal, bem como contribuir para a produção de tecnologias inovadoras de maneira a consolidar o mercado de serviços ambientais, incentivando a retribuição monetária e não monetária para população de Macapá.

Ascom/Adrianna Ramos