Covid-19: Dudu Tavares tem requerimento atendido e lactantes começam a ser vacinadas

por Sec. Comunicação publicado 14/07/2021 02h17, última modificação 14/07/2021 02h17

A Prefeitura de Macapá atendeu o pedido do vereador Dudu Tavares (PDT), para a inclusão das mães lactantes sem comorbidades preexistentes no grupo prioritário de vacinação contra covid-19. O requerimento foi apresentado e aprovado no dia 6 de junho, durante sessão ordinária na Câmara Municipal de Macapá.

Inicialmente a vacina estará disponível para as mães maiores de 18 anos, que amamentam bebês de até seis meses. A vacinação desse público começou no sábado, 10 de julho. As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) que estão disponibilizando o imunizante são: UBS Pacoval, São Pedro, Congós, Pedrinhas, Raimundo Hozanan e Brasil Novo.

“Nossa luta em favor das lactantes teve resposta positiva. Vacinar essas mães significa garantia de proteção e fortalecimento da saúde materno infantil. Com apenas uma única vacina, estaremos protegendo duas pessoas – mães e bebês. Seguimos avançando na luta contra o vírus”, declarou Dudu Tavares.

Pesquisa
A iniciativa do vereador surgiu após ouvir a mobilização das mães lactantes que reivindicavam a vacina contra covid-19. O movimento “Lactantes pela Vacina” iniciou quando o jornal científico JAMA, divulgou o resultado de uma pesquisa em que os cientistas descobriram a presença de anticorpos contra o novo coronavírus no leite humano de mães vacinadas, e comprovaram a possibilidade de transmitir a proteção para os bebês pelo alimento materno.
A pesquisa foi realizada em 84 mulheres israelense que receberam duas doses da vacina fabricada pela Pfizer-Biontech e coletaram amostras de leite antes e depois de serem imunizadas.

Ascom/Dudu Tavares