Vereadores debatem problemas de Macapá e recebem convidados

por danielle.duarte — publicado 03/01/2019 11h44, última modificação 03/01/2019 11h44

Vereadores debatem problemas de Macapá e recebem convidados

A Câmara Municipal de Macapá (CMM) debateu uma série de projetos de interesse comunitário na 56ª Reunião Ordinária desta terça-feira, 13. Os vereadores Rinaldo Martins (PSOL) e Gian do Nae (Avante) usaram a tribuna da CMM e abordaram temas atuais.

Rinaldo Martins tratou do projeto Escola sem Partido, pauta debatida em nível nacional e que deverá ser transformada em lei municipal a partir de um Projeto de Lei, de iniciativa parlamentar. Rinaldo defende um amplo debate sobre o tema.

O vereador Gian do Nae destacou o aumento da violência no Estado e a preocupação dele com a gestão do novo presidente da república, Jair Bolsonaro, que segundo o parlamentar ainda é uma incógnita para os brasileiros.

Durante a reunião, a Câmara Municipal recebeu os convidados Iaci Ferreira Ramalho, vice-presidente da Executiva Municipal de Macapá/Sinsepeap e o estudante Eliezer Paulo Ferreira Júnior. Os dois também sugeriram amplo debate sobre o projeto Escola Sem Partido. 
Iaci Ferreira pediu apoio dos vereadores para aprovação do Projeto de Lei 005/2018, que prevê a incorporação de Gratificação de Incentivo a Função Específica, nos vencimentos de serventes e merendeiras da rede pública municipal.

Os parlamentares aprovaram ainda nove indicações e 40 requerimentos. O vereador Marcelo Dias (PPS) apresentou Projeto de Lei, que dispõe sobre a vacinação domiciliar às pessoas idosas, e pessoas com deficiência motora, multideficiência profunda, dificuldades de locomoção, doenças impactantes e degenerativas. A matéria será analisada pelas comissões permanentes e depois retorna ao plenário para votação.

Secretaria de Comunicação/SECOM/CMM.